Melhores madeiras para móveis planejados

Móveis planejados fazem verdadeiras maravilhas no seu estilo de design de interiores. Eles são práticos, se encaixam nos seus espaços e estão em constante comunicação com a sua decoração.

 

Mas exatamente pela sua característica personalizável, às vezes pode ser difícil escolher qual é a melhor madeira. Vale a pena escolher móveis em MDF? MDP? Madeira maciça? Se você apresenta essas dúvidas, não precisa se preocupar: neste artigo, vamos falar dos tipos de madeira para móveis planejados para você escolher bem.

Podemos começar?

 

Qual a importância de escolher a madeira certa para móveis planejados?

Escolher a madeira certa para os seus móveis planejados é importantíssimo, e vai definir as formas que a peça poderá atingir, seu aspecto e a sua durabilidade.

Móveis planejados normalmente se ajustam às necessidades do dono, sendo um verdadeiro reflexo da sua personalidade e do seu estilo de design de interiores. É importante que você saiba quais são os tipos de madeira existentes na fabricação de móveis planejados para que você entenda o que é possível fazer com elas, evitando decepções e frustrações com o resultado final.

Escolhê-las antes de tudo é o ideal, pois você sabe qual irá se encaixar com o que você pretende e pode dar sua opinião final na escolha levantando questionamentos pertinentes para o vendedor. Esses questionamentos podem ser:

  • Qual é a probabilidade dessa madeira estar contaminada com cupins?

  • Essa madeira funciona para móveis planejados curvados ou somente retos?

  • Qual é a procedência dessa madeira? É de área reflorestada?

  • Quanto tempo exatamente essa madeira irá durar?

Munido dessas perguntas, você faz uma compra consciente e consegue os resultados que estava esperando ao procurar os móveis planejados.

Além disso, conhecer a madeira te dá um norte voltado para a qualidade, não ao preço: a maioria dos clientes de móveis planejados escolhe o material de acordo com o seu preço, não por conhecer sua qualidade ou procedência.

Quer saber quais são os tipos de madeira para móveis planejados? Então continue a leitura!

 

MDF

O MDF, sigla em inglês que significa medium density fiberboard (painel de fibras de média densidade), é composto por fibras de madeiras diversas compactadas e coladas através de resina sintética e calor de aproximadamente 200 graus.

 

Esse calor para a colagem é muito importante, pois garante que a resina se espalhe pelas fibras, realiza a colagem de forma ideal e ainda mata os insetos podem estar na madeira.

Móveis planejados em MDF são os mais comuns, pois essa matéria prima é absolutamente confiável e durável. Além disso, por ser altamente maleável é possível criar formas incríveis e belíssimos entalhes com o MDF.

Sua espessura mínima também é uma grande vantagem: 3mm contra os 9mm do MDP, outro aglomerado de madeiras. Mesmo com essa espessura mínima, o MDF se apresenta como um material extremamente sólido, sendo muito resistente à ferragens na sua instalação.

 

MDP

O MDP pode apresentar um aspecto físico parecido com o MDF a primeira vista, mas os dois são completamente diferentes na sua composição.

O medium density particleboard (painel de partículas de média densidade) possui pequenas partículas de madeira ao invés de fibras, como o MDF, o que traz um aspecto bem diferente à esse tipo de madeira: é possível enxergar as partículas na sua superfície não homogênea, sendo que as mais finas ficam nas extremidades e as mais grossas no centro.

imagem madeira 3.jpg

 

O MDP não é recomendado para a criação de móveis planejados principalmente por uma preocupação com o design, já que esse material é mais indicado para superfícies retas, não permitindo curvas no seu acabamento.

 

Compensados

São madeiras mais antigas, não recomendadas para a criação de móveis planejados por não possuir a mesma durabilidade do MDF e do MDP, além de não permitir formas diferentes dos traços retos e grande aceitação de entalhes.

imagem madeira 4.jpg

 

Os compensados são formados a partir da junção de duas ou mais placas de madeira cruzadas, coladas uma na outra através de adesivos e resinas, e depois colocados ao forno em alta temperatura para a selagem.

Os compensados foram muito utilizados nos anos 40, antes das novas tecnologias surgirem. Possui boa durabilidade, mas nada comparado ao do MDF e MDP.

 

Madeira maciça

A madeira maciça vem perdendo espaço no mundo dos móveis planejados por ser mais cara, prejudicar o meio ambiente e por não possuir uma grande maleabilidade, só sendo possível alcançar detalhes e curvas através de um processo artesanal de escultura.

imagem madeira 5.jpg

 

 

Mesmo sendo muito tradicional e durável, a madeira maciça é muito similar aos painéis, como o MDF e o MDP, em termos de durabilidade e resistência à intempéries, se tornando uma escolha obsoleta pelo preço elevado e pelo alto impacto ambiental.

Nós da Diviformi trabalhamos com o material que mais recomendamos: móveis planejados são feitos principalmente com MDF. Isso nos dá maior liberdade de criação e garante uma produção sustentável. Venha nos conhecer!

Para mais informações como essas, conheça o nosso blog! Publicamos regularmente dicas sobre design de interiores e móveis planejados. Até a próxima!